Um dos grandes desafios para os profissionais da área de saúde com consultórios recém-inaugurados, ou certas vezes até mesmo para aqueles já estabelecidos em suas áreas, é fidelizar pacientes. Por mais que seus conhecimentos e orientações eficientes lhes ajudem a criar um elo de confiança entre eles, é preciso se conscientizar acerca de determinadas atitudes e processos que podem ou não ter relação clínica.

Estes cuidados vão desde a forma como a gestão de tempo da clínica é tratada, a organização adequada dos prontuários de cada paciente, e até mesmo ter um bom convívio fora dos consultórios.

Para lhe ajudar a construir uma relação de confiabilidade com seus pacientes, conheça 5 práticas ideais para fidelizá-los.

1 – Cuide da gestão de seu tempo

Seja para receber novos pacientes, manter as consultas regulares, ou até mesmo aproveitar os intervalos, você deve encontrar a melhor forma para lidar com a gestão de tempo da sua clínica ou consultório. Uma agenda otimizada e eficiente ajuda a evitar possíveis atrasos e que o paciente fique esperando por muito tempo entre uma consulta e outra.

Para facilitar as consultas, marcações de horários e identificação de cada paciente, os prontuários devem sempre estar organizados e identificados para rápido acesso.

2 – Escolha a secretária ideal

Nenhum consultório consegue funcionar em pleno rendimento sem uma boa secretária. Ela não apenas irá auxiliar-lhe em suas tarefas diárias, como também será um dos primeiros contatos na triagem dos seus pacientes. Portanto, é essencial que a contratação da secretária seja feita visando uma profissional competente.

Ela será responsável por manter o paciente atualizado sobre marcações e cancelamentos de consulta, bem como os horários que precisam ser cumpridos — embora ambos, médico e secretária, devam sempre cuidar conjuntamente para garantir o bem-estar de seus pacientes.

3 – Crie um ambiente confortável e agradável

Consultórios e clínicas precisam ter um ambiente confortável e de acordo com o que se espera de um local voltado para a saúde. As salas de espera e de consulta devem estar sempre limpas e organizadas.

É interessante também contar com opções de entretenimento para seus pacientes enquanto eles aguardam a consulta, como televisores e/ou revistas atualizadas. Bebedouros também são importantes, sobretudo para pacientes que já estão em tratamento e precisam se medicar enquanto estão no consultório. Máquinas de café podem ser consideradas, porém são opcionais.

Criando um ambiente agradável e que deixe o seu paciente satisfeito, a chance de ele voltar para futuras consultas aumentam bastante.

4 – Seja atencioso com cada paciente

Além dos pontos já citados, há ainda o cuidado e a atenção que você deve ter com cada paciente - o que para mim é o ponto principal para deixá-los satisfeitos. Para ganhar a confiança do seu paciente, durante a consulta, você deve mostrar seriedade, profissionalismo e, principalmente, atenção individual para cada caso.

Essa é uma forma muito importante de garantir que seu paciente se sinta seguro com o seu atendimento — seja através de perguntas mais específicas sobre o estado de saúde deles, responder a todas as suas dúvidas, ou atender quaisquer outras necessidades dentro de seu alcance enquanto profissional.

5 – Construa uma boa relação dentro e fora do consultório

Criar um canal de comunicação viável com seus pacientes é essencial para a sua fidelização. Oferecer opções de contato, como telefones ou mesmo canais virtuais próprios para eles, permite não apenas mais um meio para demonstrar sua disponibilidade e preocupação com eles, como garante um bom direcionamento em cada prontuário - inclusive garantindo retornos mais positivos em seus tratamentos.

Através de um software de gestão, é possível gerenciar este tipo de atendimento ao paciente, facilitando a rotina e as atividades diárias do seu consultório. Neste âmbito, sua secretária pode ajudá-lo quanto aos canais de comunicação.

Conhece alguma dica diferente para fidelizar pacientes? Compartilhe com a gente a sua experiência no assunto.


Share: