Descubra como contratar os melhores profissionais para a sua clínica
  • 23 Junho 2016

O sucesso de uma empresa depende muito do desempenho de seus colaboradores. Saber quais profissionais contratar, em que setores eles devem atuar e como coordenar essa equipe é fundamental para o crescimento do negócio. E não é tarefa fácil encontrar essas pessoas, que podem fazer toda a diferença para a sua clínica. Para isso é necessário que o recrutador saiba bem qual o perfil profissional que procura. Mas como contratar?

Todo processo de contratação passa ao menos por duas fases. A primeira delas consiste na triagem de alguns candidatos em meio a diversos currículos. Nesse momento, o que acontece é a análise do histórico profissional, das competências e das habilidades, e até mesmo se faz uma comparação entre as pessoas que pleiteiam o cargo. Quem passa por essa etapa já está sendo considerado para uma eventual contratação.

Processos como entrevistas e dinâmicas de grupo permitem conhecer um pouco mais do lado prático de cada candidato.

Contudo, ainda é necessário definir qual ou quais candidatos vão receber a proposta de emprego. Nessa etapa são conduzidos processos como entrevistas e dinâmicas de grupo, que permitem conhecer um pouco mais do lado prático de cada um. O que fará a diferença é a percepção do recrutador sobre os concorrentes. Ele vai definir qual perfil melhor se enquadra dentro das necessidades do cargo que está sendo oferecido.

Neste artigo separamos algumas dicas de como contratar. É só conferir os próximos parágrafos!

Perfil da vaga

Mais do que as competências técnicas, um bom profissional deve apresentar outras características, como relacionamento em equipe ou proatividade. Por isso é importante saber qual o perfil profissional esperado para determinada vaga. Converse com os gestores que solicitam a contratação, defina um perfil para a vaga e fique atento se o candidato atende às exigências.

Expectativas

Os funcionários devem estar alinhados com os objetivos da empresa e trabalhar para que possam alcançar esses objetivos. É importante saber quais as expectativas do candidato em relação à sua clínica, ao cargo que vai ocupar e ao desenvolvimento profissional que espera na sua empresa.

Isso evita que você faça a contratação de uma pessoa que em pouco tempo pode se desligar das suas funções por não ter as expectativas supridas.

Simulações

É importante visualizar se o candidato está realmente apto para ocupar o cargo em aberto na sua clínica. Para isso faça algumas simulações de situações que ocorrem diariamente na empresa.

Você conseguirá ver se a pessoa sabe lidar com a circunstância, se oferece saídas inovadoras ou simplesmente não possui as competências necessárias para ficar com o cargo.

Fique atento aos currículos

Em uma seleção, é comum receber uma grande quantidade de currículos. Todavia, alguns deles podem não preencher as necessidades e os requisitos da vaga. Na hora de fazer uma triagem, leia atentamente cada currículo e, caso tenha um perfil detalhado da vaga, faça a seleção daqueles que melhor se enquadram nas suas exigências. Assim conseguirá fazer entrevistas com pessoas que podem vir a acrescentar alguma coisa à sua clínica.

Gostou deste artigo sobre como contratar? Como têm sido os processos de seleção na sua clínica? Compartilhe nos comentários as suas experiências!