O Setembro Amarelo promove a conscientização, informação e prevenção acerca do suicídio.

Talvez você nunca tenha ouvido falar sobre o Setembro Amarelo, pois o movimento iniciou-se no Brasil apenas em 2015, mas vem ganhando força com o passar do tempo.

Através de ações que informam e encorajam a prevenção, o câncer, a AIDS e outras doenças conseguiram diminuir o número de vítimas ao longo dos anos.

A ideia da CVV (Centro de Valorização da Vida), um dos órgãos mais atuantes no Setembro Amarelo, é a mesma: diminuir o número de suicídios através da informação.

A gravidade é tal que se estima que 32 brasileiros morrem por causa do suicídio todos os dias. O número é superior aos portadores de AIDS ou vítimas do câncer.

A falta de informação e tabus a respeito do assunto é um dos motivos pelos quais tantas pessoas ainda evitam falar sobre ou acabam não pedindo ajuda.

Da mesma forma, muitas pessoas não conseguem perceber os sinais de amigos e familiares que estão com problemas e/ou ímpetos suicidas.


A OMS estima que 9 em cada 10 casos de suicídio poderiam ter sido prevenidos, por isso a importância de se falar sempre sobre o assunto.

O CVV realiza um trabalho incrível de apoio e prevenção ao suicídio. Através do telefone 141, as pessoas interessadas e que precisam ser ouvidas terão atendimento.

Aos que preferirem, também existe atendimento via Skype, E-mail e até pessoalmente.

Exceto o atendimento presencial, todas as linhas são 24h por dia, todos os dias.


Mais informações:

Informações sobre o atendimento: 188
CVV: 141
Skype: posto_virtual_1
E-mail: https://www.cvv.org.br/e-mail/
Presencial: consultar posto em https://www.cvv.org.br/postos-de- atendimento/


Share: