As pessoas da nova geração, os chamados millennials, são os indivíduos que nasceram entre meados da década de 1980 até o ano 2000. Eles são os novos adultos, pessoas que já entraram no mercado de trabalho e hoje são ativos economicamente.

É por esse motivo que muitas empresas estão mudando os seus hábitos para conquistar a nova geração de consumidores, o que também inclui os estabelecimentos médicos. Então, afinal, como oferecer um serviço de saúde que atraia a nova geração? Para isso, desenvolvemos algumas dicas. Veja, na sequência!

Ofereça cuidados mais simples

Os millennials nasceram em uma época em que a internet já havia tido o seu “boom”. Isso quer dizer que eles não precisaram se adaptar a essa nova realidade como a geração anterior, os baby boomers, pois já cresceram utilizando os recursos digitais.

Essa ambientação ao universo online fez com que essas pessoas tivessem um ritmo mais acelerado. Elas, geralmente, não têm paciência de aguardar por semanas em uma fila de espera para agendar uma consulta, por exemplo. Por isso, alguns cuidados mais simples, até mesmo envolvendo a telemedicina, podem ser adotados, muitas vezes substituindo consultas em casos de pouca complexidade.

Entenda que está lidando com pessoas informadas

Como dito, os millennials fazem quase tudo pela internet. Logo, eles leem muito e se informam sobre assuntos diversos, incluindo a saúde. Ao perceberem uma dor, por exemplo, é muito comum realizarem pesquisas no Google, já dado para si um pré-diagnóstico para o problema.

Nesses casos, o médico precisa ter o discernimento de argumentar corretamente quando os pacientes fizerem perguntas. É preciso ter o cuidado para refutar o que está errado em suas pesquisas e apontar verdades encontradas nas informações trazidas.

Tenha cuidado com a sua reputação

Segundo uma pesquisa realizada pela PUCRS e divulgada no portal Innovare Pesquisa, 97% dos millennials não gostam de consumirem produtos e serviços de empresas ou serem atendidos por profissionais que não prezam pela ética. Logo, questões como sustentabilidade, racismo, homofobia e opiniões políticas precisam de atenção especial, até mesmo em situações particulares.

É por isso que todos os discursos e opiniões que você emitir precisam ser muito precavidos para que falhas de interpretação não acabem afetando a sua reputação. Portanto, fuja de discussões polêmicas nas redes sociais ou outros canais que envolvam um grande público.

Ofereça um atendimento de qualidade

Alguns estudos realizados por instituições de pesquisa americanas foram condensados em uma reportagem da revista Exame, que traz um panorama sobre a geração millennial.

Segundo a reportagem, essa geração deseja obter serviços de qualidade e que gerem boas experiências. É por isso que a sua clínica deve treinar a todos, médicos, enfermeiros, secretárias e outros profissionais para que prestem o chamado atendimento humanizado, muito valorizado por essas pessoas.

Atualize-se tecnologicamente

Os médicos, principalmente os mais experientes, precisam demonstrar para os millennials que seguem se atualizando em sua área e também às novidades tecnológicas.

Utilizar tablets para acompanhar o prontuário eletrônico, mostrar vídeos, animações e gráficos com explicações durante as consultas, proporcionar o agendamento online, entre outras práticas são importantes de serem realizadas.

De maneira geral, oferecer um serviço de saúde que atraia a nova geração não é algo tão difícil como se pode imaginar em um primeiro momento. Basta um pouco de esforço para colocar nossas dicas em prática, agradando não só os millennials, mas também pessoas de todas as idades.

Gostou do nosso artigo? Que tal compartilhá-lo em suas redes sociais? Assim os seus colegas de medicina também poderão ter acesso a essas relevantes informações.


Pacientes da nova geração: Como atrair este público?

Share: