Se você é auditor de uma clínica ou dono de seu próprio consultório médico, é bem provável que já tenha ouvido falar de auditoria em saúde, não é mesmo? Esse tipo de ação é muito importante para verificar a qualidade dos serviços prestados pelo seu estabelecimento.

Para que você saiba mais sobre o assunto e compreenda como funciona a auditoria em saúde, desenvolvemos este post. Siga a leitura nos tópicos a seguir e veja esclarecimentos para as questões mais comuns sobre o tema. Vamos lá?

O que é uma auditoria em saúde e para que ela serve?

A palavra auditoria tem origem na língua inglesa, mais especificadamente do verbo “to audit”, que em nosso idioma significa examinar, corrigir ou verificar. Desse modo, pode-se compreender que esse tipo de processo tem como objetivo fazer uma verificação de como as tarefas são executadas nas empresas, visando encontrar erros e corrigi-los, sempre em busca da melhoria contínua.

Na área da saúde, as auditorias buscam verificar todos os processos que são executados em uma clínica. Isso inclui desde o momento em que os pacientes entram em contato para marcar consultas até o término dos tratamentos propostos pelos médicos.

Como é feita uma auditoria em saúde?

Existem dois métodos que podem ser adotados para fazer uma auditoria em saúde. No primeiro deles, a auditoria é interna, ou seja, executada pela própria instituição. Nesse caso, um profissional da clínica é o responsável por analisar e desenvolver relatórios com os processos realizados no estabelecimento.

Já no segundo caso, a auditoria é externa. Isso quer dizer que ela é feita por um profissional ou equipe que não trabalha na clínica. Essas auditorias podem ser feitas por órgãos públicos ou então contratados pelo estabelecimento para conhecimento interno.

Quais são os benefícios de fazer esse tipo de autoria?

São diversos os benefícios que as clínicas e hospitais obtêm ao fazerem auditorias em saúde. Entre os principais deles podemos destacar os mencionados abaixo!

Verificação da conformidade dos processos

Com a auditoria é possível verificar todos os processos da clínica, analisando se eles estão em conformidade com aquilo que é esperado. Se o objetivo da clínica é fazer consultas com os pacientes de forma rápida e atenciosa, por exemplo, deve-se analisar se isso ocorre.

Identificação e correção de erros

A auditoria também é útil para que os erros sejam identificados e prontamente corrigidos. No caso de se perceber que o agendamento de consultas e exames é deficitário, por exemplo, deve-se planejar algo para sanar o problema. Nesse caso, uma alternativa seria contratar um novo software de gestão.

Desenvolvimento de ações preventivas

Outro benefício da auditoria é que ela possibilita que os problemas sejam previstos e logo corrigidos. Isso é muito importante para que possam ser controlados riscos, como as fraudes.

Na sua clínica ou consultório é feita a auditoria em saúde? Esperamos que, em caso negativo, possamos ter contribuído com você para que compreenda sobre esse projeto tão importante.

Siga nossas redes sociais para ter acesso a mais conteúdos. Estamos no Facebook e no Instagram!

Share: